24 de jan de 2011

TAIJIQUAN EM PROJETO DE SAÚDE LABORAL

Foto :: ODiário.Com
O Taijiquan [Taichichuan] mais uma vez é notícia. Desta vez ele é adotado como prática laboral na Universidade Estadual de Maringá [UEM]. O Projeto de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador da universidade é iniciativa da assitente social Catarina Teruco Makyama, desenvolvido com o objetivo de ajudar a resgatar o equilíbrio físico e mental dos colaboradores.

'O ser humano tem sido esquecido no ambiente de trabalho. Queremos promover saúde entre professores, técnicos e alunos', explica a assistente social da UEM.

As avaliações iniciais do projeto experimental apontam que, "no campo das relações humanas, a prática melhora o convívio e a integração com colegas e superiores. Porém, a calma com que maioria dos praticantes passou a enfrentar problemas foi o que mais mais chamou a atenção dos pesquisadores".

'Hoje eu trabalho melhor. Sem dor e até mais concentrada. O ideal é que todos pudessem praticar o Tai Chi Chuan, independente de ter oito ou 80 anos', recomenda a professora de Biologia Alice Takeda, de 58 anos.

Leia a matéria completa, de Josi Costa:

.

Nenhum comentário: