1 de fev de 2011

CHINA 2011 - DICA ÚTEIS


Foto ::  Felipe T. M.

Caro viajante,

Faltam apenas algumas poucas semanas para iniciarmos nossa jornada à CHINA. Todos os preparativos do nosso lado e, provavelmente, também do seu, correm a pleno vapor!

Gostaríamos de aproveitar, então, para lhe dar algumas dicas úteis para a viagem. Especialmente para os companheiros que nunca foram à China, elas podem ser muito úteis:

• Sugerimos que você não compre a moeda local Chinesa [Iuans] no Brasil. Normalmente as taxas não são muito favoráveis. No aeroporto de Pequim, enquanto aguardamos a bagagem, já poderemos fazer a troca de moeda [Dólar para Iuans] antes de passar pelo controle aduaneiro. E até mesmo em todos os hotéis das cidades onde estaremos, pode-se também efetua este câmbio com facilidade e conveniência. O Câmbio negro na China está extinto há muito tempo, não sendo, então, mais rentável e, portanto, o interesse em USD é bem menor.

• Todos os hotéis que vamos utilizar fornecem roupas de cama, toalhas e travesseiros, etc; não se fazendo necessário levá-los. Os hotéis nas cidades maiores são muito bons; em Huashan eles são mais simples, mas também bons, e em Chenjiagou faremos uso de alojamentos, o que talvez seja uma mudança radical para muitos.... :-) Mas não se preocupe, você vai sobreviver e será grato, uma vez que beberemos diretamente na fonte do Taijiquan... Enquanto as grandes cidades na China têm galgado um enorme progresso, as cidades no interior do país continuam muitas vezes ainda como antes. Mas graças aos esforços de nosso Grão-Mestre, a qualidade já melhorou consideravelmente em Chenjiagou. Oficialmente, todos os quartos têm, pelo menos, água encanada e um WC separado. Sendo assim, para Chenjiagou vc terá que levar somente um pouco de espírito esportivo! :-)

• Quanto à vacinação, peço-lhe que consulte o seu médico, uma vez que não podemos nos responsabilizar por orientações desta natureza. Para os viajantes Brasileiros, a vacina contra Febre Amarela é obrigatória, devendo ser tomada com pelo menos dez dias de antecedência ao dia de nossa partida, e registrada no Certificado Internacional de Vacinas, emitido pela ANVISA, onde constará o número do lote e sua validade. Mais detalhes no site da ANVISA.

• A comida, diferente de antigamente, é normalmente saudável para a maioria. No campo, no caso de Chenjiagou, ainda podemos ter algumas ocorrências de incompatibilidade digestiva e diarréia. Portanto, recomendo a todos que tenham consigo seu kit pessoal de primeiros socorros, bem como protetores auriculares – a China, a terra de Tai Chi e meditação taoísta, tornou-se hoje um país muito barulhento. Ao consultar seu médico recomendo que peça a ele também a indicação de um kit básico de remédios para situações desse tipo. Serão oferecidas refeições tanto vegetarianas, como convencionais em nosso roteiro.

• Cada passageiro pode levar 2 malas de até 32 kg mais bagagem de mão no vôo para a China. Valem os regulamentos de segurança normais. No programa de 2 e 3 semanas, não teremos vôos domésticos. Como não precisaremos carregar nossa bagagem, a não ser para dentro e fora do trem, etc, malas são tão boas quanto mochilas. Entretanto, as mochilas têm a vantagem de ser mais facilmente acomodadas nos bagageiros dos trens, por serem mais maleáveis. No caso das extensões de programa que porventura tenham vôos domésticos, sugerimos consultar as regras de bagagens da companhia aérea a ser utilizada, para que você não tenha surpresas ao embarcar com excessos.

• Caso ainda não tenha seus vistos, providencie-o com a Operadora de Viagem, se possível. É a opção mais segura e, a esta altura do nosso cronograma, a mais rápida. Ainda assim, mesmo que você providencie seu visto pessoalmente, vale um lembrete: O passaporte deve ter data de validade de pelo menos 6 meses, a contar da data de término de nossa viagem, ou seja, pelo menos até 20/10/2011!

Cartões de crédito são bem aceitos em todos os principais centros comerciais, e no Banco da China, para saques em dinheiro [com senha]. Cartões da rede Cirrus devem funcionar também, mas isso ainda não é muito difundido. É recomendável que você contate a operadora do seu cartão para saber das condições gerais de aceitação e das taxas, bem como para ativar o uso no exterior[alguns precisam ser ativados previamente].

• Todas as despesas de viagem e cerca de 2/3 das refeições estão incluídas no pacote adquirido. Mas certamente, nos trens e nas excursões, você deve querer comprar bebidas, etc. Ou até mesmo comprar algo e comer fora. Também é comum dar para os guias turísticos e motoristas de ônibus chineses, que nos acompanharão aos templos e durante a cerimônia de inauguração da estela de pedra WCTAG em Chenjiagou, gorjetas e doações, para compras pessoais. Assim, sugerimos que você planeje seu orçamento para ter pelo menos o equivalente a aproximadamente U$ 50, em moeda local, por dia, como "dinheiro de bolso".

Câmeras fotográficas, câmeras de vídeo, etc, que são consideradas unicamente de uso privado, podem ser levadas sem problema. Em geral, a China é um país amigável, principalmente para os estrangeiros, de forma que você, com comportamento normal e respeitoso, não deverá ter dificuldades. Uma boa dica é observar sempre os avisos de restrição para fotos, principalmente nas atrações turísticas.

• Quanto aos exames da IWF: as graduações de Duan Wei são naturalmente opcionais. Para os que querem participar: não há necessidade de nenhum preparo anterior, tudo será resolvido no local. O teste custa cerca de €150 para o primeiro grau, mais €50, por cada grau suplementar (por exemplo, para grau 4 = €300).

Celulares Brasileiros costumam funcionar muito bem na China, sendo mais barato comprar um cartão SIM chinês com crédito, ao chegar aeroporto. Agora, para usar os planos de operadoras Brasileiras, sugerimos consultar a sua e verificar as condições e taxas para uso de roaming internacional, com detalhes [serviços disponíveis e seus respectivos custos], para não ter surpresas na volta.

• Nossa viagem ocorrerá bem na época de transição entre o inverno e a primavera; portanto, procure planejar sua mala com vestuário para temperaturas de 5-15°C Também temos a possibilidade de chuvas eventuais. De qualquer forma, no caso de dúvidas quanto ao que levar você poderá sempre comprar o que falta no local, a preços bem baratos.

• Fomos informados de que em Louguantai, no período da nossa viagem, haverá uma obra de grande porte. Portanto, contando com o seu consentimento, decidimos transferir o treino de meditação para Huashan. O abade do monastério principal no sopé da montanha, permitiu excepcionalmente, e pela primeira vez na história, que usássemos o salão de meditação do mosteiro para praticar e fazer nossos estudos. Isso é excelente! Huashan é considerada a mais bela montanha da China, com a subida mais deslumbrante. Também temos em Huashan uma das maiores tradições taoísta da China. Claro que vamos, como previsto,.viajar para Louguatai, só que vamos inverter proporcionalmente o programa. Quanto ao conteúdo do curso nada muda. Para os interessados, estamos tentando organizar uma visita ao museu as "Estelas de Pedra" em Xi‘an, onde as "estelas" originais, com os textos do cristianismo taoísta de Louguantai, são preservadas. Além disso, o museu abriga também a mais antiga escrita do Yi Jing. Lá também teremos a oportunidade de ver "estelas de pedra" com o texto original do Daodejing, em hieroglífos antigos.
Por enquanto isso é tudo, mas caso nos lembremos de mais alguma dica, compartilharemos com todos.

Vale também a pena ficar atento aos nossos canais de comunicação e divulgação da viagem:

• SITE WCTA-BR: http://wcta.com.br/
No mais... Mantenha-se saudável e em forma, estamos realmente ansiosos para começarmos nossa viagem!

Até breve,

WCTA-Br | IFTB | Mandala

Nenhum comentário: