1 de jun de 2011

TAI CHI CHUAN : ESTRELA DE ESTUDOS CIENTÍFICOS

Pois é... estão começando a notar que o Taijiquan anda aparecendo constantemente em estudos científicos [nacionais e internacionais] que comprovam seus benefícios para a saúde e o bem-estar. Ou seja, o que a gente está caçado de saber e tanto repete para nossos alunos, começa a deixar de ser o que para muitos sempre foi conversa de 'carochinha'!

Em matéria publicada hoje no caderno de Equilíbrio e Saúde da Folha.Com, vários deste estudos são destacados. Observe...

Aula na Sociedade Brasileira de Taichichuan, em SP
Foto © Juca Varella | Folhapress
"Os pés ficam enraizados no solo e o topo da cabeça é puxado levemente por um fio imaginário para o alto. As costas se arredondam e os ombros se afundam.

Suavemente, as palmas das mãos sobem para os céus, descem para a terra e se unem sobre o umbigo, centro de equilíbrio do corpo.

Começa um treino de Tai chi chuan. Os movimentos, que se multiplicam de forma fluida e em ritmo lento, são facilmente reconhecidos pelo público ocidental.

A fama conquistada pela prática não vem só do fascínio pelo "exótico" ou do prazer estético que sequências rítmicas, como as de danças, costumam causar. O tai chi chuan, arte marcial chinesa, tem sido muito estudado por seus efeitos na saúde.

As últimas pesquisas acabam de ser publicadas em importantes revistas médicas internacionais.

No jornal da Associação Médica Americana, há um estudo da Universidade Harvard mostrando que a prática melhora a qualidade de vida de pessoas com insuficiência cardíaca crônica..."

Leia a matéria completa de Iara Biderman:

.

Nenhum comentário: